Polícia Civil e Ministério Público fazem balanço da Operação PÓLIS e apresentam nova viatura, Camaro

Polícia Civil e MP

políciaNesta terça-feira, 4 de junho, a POLÍCIA CIVIL e o MINISTÉRIO PÚBLICO realizaram um balanço do 1º ano da Operação PÓLIS.

Também foi entregue a comunidade uma viatura ostensiva, Camaro.

Após um ano da conclusão da 1ª fase das investigações, os elementos colhidos na investigação são surpreendentes.

Mais de 2000 quebras de sigilo (fiscal, bancário, financeiro, telefônico);

Mais de 250 veículos com restrições (apreendidos, fiel depositário, busca e apreensão);

Mais de 150 imóveis com restrições de alienação;

Aproximadamente 150 milhões de reais entre bens móveis e imóveis apreendidos ou restritos;

Aproximadamente 400 pessoas investigadas entre estelionatários e laranjas;
pc
Entre 2012 e 2018 os estelionatários movimentaram mais de 1 BILHÃO DE REAIS SOMENTE nas contas bancárias.

Estima-se que desde os anos 2000, os estelionatários de Passo Fundo movimentaram mais de 10 BILHÕES DE REAIS, com veículos, imóveis, valores obtidos com os crimes de estelionato.

Já há inquéritos policiais remetidos ao Poder Judiciário com dezenas indiciados, denúncias e 4 investigados presos preventivamente.

Com relação ao Camaro, após autorização judicial concedida pelo Juiz Alan Peixoto de Oliveira, da 2ª Vara Criminal, foi realizado os tramites internos administrativos, e em parceria com o Ministério Público, através do Promotor Júlio Ballardin, foi destinado verba para o envelopamento, grafismo e colocação das luzes e sirenes, estes serviços realizados pelas empresas BS Multimarcas e Allsign comunicação visual, que realizaram os respectivos serviços somente pelo valor dos custos dos materiais. Além disso, as trocas de óleos e filtros, sempre que necessário, será realizado pelo Posto de combustíveis Tonial.

civilJá manutenção realizada para ficar em condições de utilização, bem como futuras manutenções serão custeadas com os valores apreendidos com o investigado que possuía o Camaro.

Assim, a Polícia Civil (ESTADO), não terá qualquer custo com a manutenção do veículo, somente o consumo de gasolina, sendo que o veículo será utilizado em situações específicas e não no trabalho diário.

A utilização do Camaro é um marco no combate ao crime organizado, visto ser um veículo que era ostentado pelos investigados sendo produto de lavagem de dinheiro, e agora está sendo utilizado pela Polícia no combate a esses criminosos.

Tags: Ministério Público, online, operação pólis, Polícia Civil, Tapes

Enviar comentário

voltar para Social

left normalcase show fsN tsN fwR|left tsN fwB b03s bsd|left fwR show tsN center|c05||image-wrap|login news b01 fwB tsN fwR tsY c10 bsd|normalcase tsN c05 sbss|normalcase c10|login news b01 normalcase c05 c10 bsd|tsN normalcase c05 sbss|signup|content-inner||