Mergulhador faz expedição solitária sobre prancha de stand-up por toda a Lagoa dos Patos

Publicado por bira costa em 01/02/2017 às 11h23

Leandro Fraga ou Raí está em Tapes e nesta quinta (2) segue viagem desafiadora quando pretende percorrer cerca de 1.000 km de remo contornando toda a Lagoa dos Patos, sobretudo, pagando uma promessa

Redação Online/Fotos: Leandro Fraga/Divulgação

Raí expedição laguna stand-upTapes está sendo mais uma vez à rota das grandes aventuras, Além-Mar. Desta vez, quem desafia as doces e misteriosas águas da Laguna dos Patos é o mergulhador, Leandro Fraga (Raí) de 38 anos, de Porto Alegre.

Utilizando uma modificada prancha de Stand-Up com 5,10 de comprimento ou de 16 pés, projetada por quatro empresas especializadas em equipamentos náuticos, para uma aventura como esta; Raí chegou à Enseada de Tapes, nesta terça-feira (31) de janeiro, pelo canal do Clube Náutico Tapense (CNT), e, descansará na casa de um amigo, Edgar Oppitz e esposa, até esta quinta-feira (2) de fevereiro, para revisar o equipamento e repor os mantimentos que carrega em cima da prancha.

Raí que saiu da Praia de Ipanema, na Capital irá percorrer, dentro do seu planejamento por aproximadamente 40 dias, toda a extensão da Lagoa dos Patos, cerca de 1.000 quilômetros, sozinho e em cima de sua prancha, sobretudo, motivado por uma força especial: cumprir uma promessa ao seu falecido pai, também estimulado pelo espírito de aventura.

Um recorde histórico

Ao Portal Online Comunicação e Jornalismo, disse que pretende ainda divulgar as belezas da laguna, o esporte de aventura e disseminar para ao público culturas e valorizar a história de cada cidade que circundam esta que é uma das maiores lagunas doce do planeta.

Raí afirmou que, nestes moldes, esta circunavegação em stand-up deve entrar para as 10 maiores remadas do mundo.

Mas, sobre este mesmo equipamento, na Lagoa dos Patos, esta poderá ser a primeira a ser concluída, sinalizou Raí.

Nesta quinta-feira, ele parte em direção as praias de Arambaré, antes, deve acompanhar o Cortejo Lacustre em homenagem a Nossa Senhora dos Navegantes, após seguirá viagem, buscando as cidades próximas, gradualmente.

Uma tentativa, mas um naufrágioRaí expedição

Seguro em percorrer essa grande volta costeando as orlas da laguna, disse que já conhece uma boa parte da Lagoa.

Entretanto, com amigos, mesmo experientes, embarcados num veleiro, naufragaram em 2014, abortando a aventura.

“Nesta minha viagem, quero conhecer mais amigos, lugares, pois essa laguna é muito bonita”, considerou Raí.

 Pouco antes de chegar à enseada de Tapes, Leandro teve um revés, quando caiu da prancha, tendo perdido alguns mantimentos, repostos tão logo.

“Tive duas quedas e perdi alguns mantimentos, mas já repus, conforme as paradas”, destacou.

Raí expediçãoMarinha monitora o desafio

 Dentre os equipamentos de navegação, Raí carrega duas bússolas, sendo uma delas via satélite.

Ele está sendo monitorado por amigos da Marinha do Brasil, onde ele presta serviços de mergulho em todo o Brasil.

Amigos também atualizam um diário de bordo virtual, na página “Travessia Mar de Dentro” no Facebook , (https://www.facebook.com/TravessiaMarDeDentro/?fref=ts), com as primeiras fotos, vídeos e depoimentos relativos à expedição de Raí.

Por fim, nesta vigia virtual, Raí deixa a sua família mais tranquila, passando tranquilidade e informações.

Embora saiba que, em determinados pontos da laguna o sinal será nulo, afirma que está “alegre” e feliz com o desafio a ser vencido.

A ele, boa sorte na aventura.

Categoria: Geral
Tags: Expedição Stand-up, Lagoa dos Patos, Leandro Fraga (Raí), online, Tapes

Enviar comentário

voltar para Notícias

left normalcase show fsN tsN fwR|left tsN fwB b03s bsd|left fwR show tsN center|c05||image-wrap|login news b01 fwB tsN fwR tsY c10 bsd|normalcase tsN c05 sbss|normalcase c10|login news b01 normalcase c05 c10 bsd|tsN normalcase c05 sbss|signup|content-inner||