Prefeitura de Guaíba rompe contrato com empresa do Proinfância

Fonte: Jornal Eco do Jacuí

guaibaA empresa MVC Plásticos foi multada em mais de R3 mil, por ter abandonado as obras em quatro creches de Guaíba e também teve suspenso o direito de participar de licitações da Prefeitura por um prazo de cinco anos.

De acordo com o prefeito Henrique Tavares as obras se arrastam desde 2013, com promessas de conclusão que não se realizam.

"Os órgãos competentes sabem que a empresa não cumpriu os acordos com as Prefeituras. Não vamos pagar antecipado e abriremos nova licitação.”, afirmou Tavares.

De acordo com o engenheiro responsável pela fiscalização duas obras estão adiantadas e será realizada nova licitação para a conclusão das creches. A do Jardim dos Lagos está 84% pronta e a da Cohab-Santa Rita 71%.

“O custo para a concluir as duas creches está estimado em aproximadamente R$ 583 mil e o FNDE já depositou o valor”, explicou Feliphe Sinhorelli.

Em vistoria à creche da Cohab, a secretária adjunta da Educação, Núbia Lessa, disse ao prefeito que cada uma das quatro creches deverá atender cerca de 240 crianças no município.

“Se a empresa tivesse executado o cronograma previsto, nós teríamos quase mil vagas para ofertar”, esclareceu Núbia.

Enviar comentário

voltar para Guaiba

left normalcase show fsN tsN fwR|left tsN fwB b03s bsd|left fwR show tsN center|c05||image-wrap|login news b01 fwB tsN fwR tsY c10 bsd|normalcase tsN c05 sbss|normalcase c10|login news b01 normalcase c05 c10 bsd|tsN normalcase c05 sbss|signup|content-inner||