Gauchão será decido no Beira-Rio. Empate na Arena foi "justo"

Publicado por Bira Costa em 26/04/2015 às 15h36

Redação Online

Fotos: Bira Costa/Online da Arena do Grêmio

Nilmar do interO clássico Gre-nal 405 válido pelo Gauchão 2015 ficou sem gols, deixando as emoções mesmo para o dia (3/5), no Gigante da Beira-Rio.

Na primeira partida, na Arena, um jogo muito tenso e cheio de cartões, 11 amarelos e um vermelho.

Um forte sistema de marcação do Grêmio já foi aplicado sobre D´Alessandro logo no início da partida na Arena, pela primeiro partida do Gauchão 2015.

Na sequência, uma cobrança na área do tricolor acabou nas mãos de Marcelo Groe.

O Grêmio reagiu com um ataque quando Matias Rodrigues caiu na área do Inter, sem falta a favor do time da casa.

A primeira bola de escanteio para o Inter veio antes dos 5 minutos, sem sucesso na cobrança. Já o tricolor conseguiu com uma jogada de Giuliano construir a primeira boa situação, quando Alisson tapeou a bola pra fora.

Em menos de 5 minutos a partida já contabilizava 4 faltas. O sistema tático do Inter ficou com 4-4-2, com forte marcação de Rodrigo Dourado e Nico Freitas, mas todos bem fechados, já o Grêmio cumpriria  o que disse Giuliano, de que a equipe iria forçar o ataque desde o começo.

Aos 10 minutos de partida as duas equipes demonstraram um jogo muito nervoso, com muitos erros e faltas excessivas, dificuldade para o árbitro Daronco segurar o ímpeto.

Com velocidade, aos 14 minutos, Maicon perdeu de abrir o placar para o tricolor, após cruzamento de Matias pela esquerda.

O primeiro cartão amarelo veio para Maicon do Grêmio, por falta sobre D´Ale. O Grêmio agia com maios eficiência neste primeiro tempo, com mais de 50% de posse de bola, e um lance a gol efetivo.Dalessandro

Aos 20m, o tricolor ganhou uma falta, na ponta da grande área colorada, um lance reclamado pela torcida como pênalti.

Nilmar aos 25, protagonizou até então o melhor momento do Inter, quando limpou dois zagueiros, dentro da área, mas perdeu o domínio e,a bolam ficou para o chute de D´Ale, forte para fora.

30 minutos: Inter se defende, mas Grêmio força ataques

O tempo de jogo já chegava aos 30, e, ainda assim, o Grêmio arriscava marcar logo o seu gol, mas, o Inter começou a equilibrar, mesmo timidamente.

No tricolor, destaque para Matias Rodriguez, pela direita, onde surgiam as maiores situações de ataque do Grêmio.

Aos 37, Douglas perdeu de finalizar a gol, no meio da área do Inter, Alisson deu bronca na sua zaga.

Giuliano e Luan armaram outra jogada de perigo na área do colorado, bola para tiro de meta.

Tenso: o árbitro Daronco distribuíu 6 cartões amarelos, devido aos excessos dos atletas na partida. Muitas discussões, até uma entre D´Ale e Felipão, na margem do gramado.

Antes de encerrar o primeiro tempo, o colorado teve uma bela falta ao seu favor, mas não soube aproveitar a jogada.

Término da partida com dois minutos de acréscimos. Na passagem para os vestiários, os jogadores das duas equipes analisaram o desempenho.

Giuliano do Grêmio falou que Felipão pediu para manter o controle.

Já o zagueiro Ernando do Inter falou da dificuldade da partida, e, de que ambas criaram, mas a proposta é a de melhorar no segundo tempo.

Por fim, Alisson considerou que mesmo “truncado”, o time do colorado deverá melhorar os passes para encontrar o caminho do gol.

Concluiu que a pressão inicial atinge as duas equipes, que o Grêmio joga emcasa e que deverá sair mais, mas que o condicionamento físico pode fazer a diferença. “Temos de caprichar mais nos passes, e nas finalizações para sair com a vitória”, ressaltou.

Por fim, Marcelo Groe destacou que a partida pelo tricolor e o colorado está mais brigada “continuar assim nessa pegada para que a gente venha fazer um bom segundo tempo”, afirmou o goleiro gremista.

Segundo tempo: Inter muda perspectiva e Grêmio fica com 10 atletas

Grêmio e GiulianoCom a mudança no Internacional, com Valdívia entrou para ser o grande amuleto vermelho.

Sua entrada modificou o esquema de jogo, fazendo com que o colorado saia mais do campo defensivo e seja mais criativo no ataque.  

A melhor situação para o colorado, jogada de D´Ale para Nilmar, que finalizou mastigado na zaga gremista.

O Inter nestes 12 minutos de segundo tempo já tinha três lances a gol, o que não aconteceu no primeiro tempo de partida.

Luan armou aos 15, um chute muito perigoso de fora da área, colocando a bola na torcida da geral tricolor.  

Outras duas boas jogadas pelo tricolor ameaçaram a meta de Alisson, mas o Inter veio bem melhor, com Valdívia.

Após falta sobre Valdívia, na ponta da área tricolor, o zagueiro Geromel recebe cartão vermelho e desfalca o time.

A mudança no time faz com que o Grêmio fique com 10 atletas e tira o atacante Brian Rodriguez.

Aos 24, VAldívia acertou um cabeceio fulminante, mas Groe segurou, no tumulto da área. No seguimento, o Inter é que pressiona o tricolor, e, pela esquerda num cruzamento, Valdívia arremata no meio, novamente, Groe salva o Grêmio.

O grito das torcidas mistas divide o estádio da Arena.  Atordoado, Felipão troca o seu sistema de ataque e põe Cristian Rodriguez, no lugar de Douglas.

O tricolor apostou em novas mudanças, colocando mais um marcador, Walace no meio, devido a pressão que o Inter implementou, Felipão buscou fechar sua defesa. Final de jogo, Gre-nal sem gols.Rhodolfo do Grêmio

Para D´Alessandro, a vitória fica na decisão em casa, mais considerou o empate "muito bom", diante do Grêmio.

Já Giuliano  do Grêmio disse que o importante foi não sofrer gols e que o time fez uma boa partida.

Para Nilmar, o colorado conseguiu suportar bem a pressão do tricolor, logo no início: "eles sabiam que estavam jogando em casa, sempre tem esse abafa, mas a gente  suportou bem e não levamos o gol", aceitando que o time não jogou bem na primeira parte da partida.

Contou da vantagem no placar, que as mudanças trouxeram um desempenho ao time, que na última partida em casa, irá pressionar desde o início e com a torcida o "incentivo" será bem maior.

Nilmar concluiu dizendo que o empate é justo pelo que foi o jogo.

Grêmio - 0

Marcelo Grohe; Matías Rodríguez, Pedro Geromel, Rhodolfo e Marcelo Oliveira; Maicon (Walace), Fellipe Bastos, Giuliano, Douglas e Luan; Braian Rodríguez (Erazo) – Técnico: Luiz Felipe Scolari.

Inter - 0

Alisson; William, Alan Costa, Ernando e Geferson; Rodrigo Dourado, Aránguiz, Nico Freitas (Valdívia) e Aranguiz, D'Alessandro(Anderson) e Eduardo Sasha (Rafael Moura); Nilmar – Técnico: Diego Aguirre.

Gol´s:

Cartões amarelos: Maicon(G), Nico Freitas (I), Aranguiz(I), Geromel (G), Brian (G) e Alisson (I), Willian (I), Valdívia (I), Geromel (G), Gefferson (I), Marcelo Groe (G),     

Cartões vermelhos: Geromel (G),

Pagantes: 43.681,00

Não pagantes: 3.228

Público: 46.609,00

Renda R$ 2.402.081,00

 

Local: Arena do Grêmio

Hora: 16h

Árbitros: Anderson Daronco; José Javel Silveira e Julio Cesar Rodrigues dos Santos

Categoria: Grêmio
Tags: Arena, Decisão, Gauchão 2015, online, Tapes

Enviar comentário

voltar para Esporte

left normalcase show fsN tsN fwR|left tsN fwB b03s bsd|left fwR show tsN center|c05||image-wrap|login news b01 fwB tsN fwR tsY c10 bsd|normalcase tsN c05 sbss|normalcase c10|login news b01 normalcase c05 c10 bsd|tsN normalcase c05 sbss|signup|content-inner||